Violência: balanço parcial aponta 25 assassinatos no Ceará durante o fim de semana

Ao menos, 25 pessoas foram assassinadas no Ceará. Conforme os registros das autoridades, o maior número de homicídios foi registrado no Interior, com 13 execuções.  Em Fortaleza, foram quatro crimes e na Região Metropolitana, outros oito.

Ainda na tarde de sexta-feira (26), um casal foi assassinado, a tiros, dentro de um veículo no bairro Mirante da Serra, no Município de Cascavel, na RMF (a 53Km de Fortaleza).  Rafael Brito Ribeiro, e sua companheira, identificada apenas por Vanessa, foram fuzilados no carro logo após terem ido deixar o filho na escola. A Polícia tenta identificar os criminosos.

Também em Cascavel, o vereador do Município de Aiuaba, nos Inhamus, Alan Franklim de Sousa, foi morto na noite de sexta-feira, no Centro da cidade. A Polícia suspeita de um crime de vingança. Alan era filho do também vereador  José Valmir de Sousa, morto por pistoleiros na noite de 24 de abril de 2016 logo após um comício. Na mesma noite, os filhos do vereador teriam assassinado um dos assassinos do pai.

Mais crimes

Na noite de sábado, uma mulher identificada como  Ana Cláudia Gomes do Nascimento, 25 anos, foi morta, a tiros, dentro de sua residência, no bairro Itambé I, em Caucaia.  Ela e os pais estavam ameaçados de morte. Os pais decidiram ir embora para o Interior. A filha permaneceu em Caucaia e acabou sendo morta.

Ainda na sexta-feira, à tarde, bandidos usando coletes à prova de bala e capuzes, mataram o traficante de drogas Francisco Talvane Teixeira, 47 anos, apontado como chefe do tráfico da cidade de Itapipoca. O crime, no entanto, ocorreu em Fortaleza. Talvane foi morto em um restaurante no bairro Cidade 200 onde almoçava na companhia de dois advogados.

Na cidade de Antonina do Norte (a 473Km de Fortaleza), um ex-presidiário foi morto, a tiros, dentro de casa. Tratava-se de Silvestre Neto da Silva, 24 anos. Ele dormia em sua residência, no bairro Serraria, quando o imóvel foi invadido pelos assassinos. Silvestre acabou atingido por vários tiros e morreu na cama.

Na tarde do domingo (28), o aluino de Técnica de Enfermagem, Alef Ferreira, 29 anos, foi assassinado, a tiros, em sua residência, no bairro Residencial Rachel de Queiroz.

Em Juazeiro do Norte, no Cariri, Emanuel de Messias Moura, 22 anos, foi assassinado, a tiros, na noite de sábado (27), no bairro Pirajá.

José Gomes dos Santos, 62 anos, conhecido por “Andorinha”, morreu após ser atingido a golpes de faca. O crime aconteceu na localidade  Vila Esperança,  no Sítio Estrela, zona rural do Município de Barbalha, no Cariri.

Uma mulher foi morta a facadas pelo marido, no Município de Alto Santo, na Região do Vale do Jaguaribe. O autor do crime foi preso em flagrante. O crime ocorreu durante uma vaquejada.

Confrontos policiais

Quatro pessoas morreram no fim de semana em conseqüência de confrontos com a Polícia. No Distrito de Uiraúna, na zona rural de Morada Nova (a 163Km de Fortaleza), policiais militares do Comando Tático Rural (Cotar), trocaram tiros com uma quadrilha de assaltantes de banco e pistoleiros, resultando na morte dos três suspeitos, identificados como Sílvio Leno Chaves Barbosa (apontado com o chefe da quadrilha), Raimundo Filho e o terceiro identificado apenas pelo apelido de “Corredor”. O caso aconteceu na madrugada de sexta-feira (26).

Já em Quixeramobim (a 201Km de Fortaleza), Antônio Fredivan de Oliveira Brilhante, conhecido por “Vanzim”, traficante de drogas, morreu numa troca de tiros com policiais do Batalhão Raio, no bairro da Pompéia. Ele reagiu atirando nos PMs durante o cerco em sua casa, onde vendia drogas.

Homicídios no Ceará no fim de semana:

Capital: nos bairros Cidade 2000, Cristo Redentor, Parangaba e Jardim Iracema.

Região Metropolitana de Fortaleza: nos Municípios de Cascavel (3), Caucaia (2), Maracanaú, Horizonte e Itaitinga.

Interior Norte: assassinatos em Canindé e Barreira.

Interior Sul: crimes de morte em Morada Nova (triplo), Juazeiro do Norte, Quixeramobim, Antonina do Norte, Tauá, Barbalha, Quixadá, Jardim e Alto Santo.

FERNANDO RIBEIRO / CN7

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *