PM mata esposa, atira em amigo e comete suicídio em Paracuru

O sargento da PM estava de folga e teria sido convidado por um amigo para passar um dia de Carnaval numa residência em Paracuru

 

Um policial militar assassinou a esposa e depois cometeu suicídio na madrugada desta segunda-feira (4). O crime aconteceu na cidade de Paracuru, Litoral Oeste do Ceará.

O sargento Alisson Carlos Lima da Silva, lotado do Batalhão de Polícia da Guarda Externa dos Presídios, estava de folga e teria sido convidado por um amigo para passar um dia de Carnaval numa residência em Paracuru.

Na casa, o sargento teria efetuado disparos de arma de fogo contra a esposa, identificada apenas como Tatiana, que não resistiu aos ferimentos. Também foi ferido um amigo do casal, identificado como Rafael. Ele foi socorrido e encaminhado para o IJF.

Depois dos crimes, o policial cometeu suicídio. A Polícia Militar foi acionada pelo proprietário da casa, que acordou com o barulho dos tiros. A arma do crime foi apreendida. Em nota, a Secretaria de Segurança Pública (SSPDS) afirma que a Polícia Civil investiga o caso.

O município tem sido marcado por tragédias. Em agosto de 2015, Marcelo Barbarena matou a esposa e a filha. Ele simulou um assalto, mas horas depois foi preso. Em fevereiro de 2013, um universitário foi morto depois de uma discussão, devido a um paredão de som.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *