Para Maia, Bolsonaro está “brincando de presidir o Brasil”

Jair Bolsonaro precisa parar de “brincar de presidir o Brasil”, de acordo com Rodrigo Maia (DEM-RJ), em declaração feita nesta quarta-feira, 27. Isso ocorreu após o presidente da República dizer, em entrevista à TV Band, que Maia “está um pouco abalado com questões pessoais que vem acontecendo na vida dele” .

Bolsonaro se referia à prisão de Moreira Franco, sogro do presidente da Câmara. Maia rebateu dizendo que Jair estava “brincando de presidir o Brasil”. “Abalados estão os brasileiros que estão esperando desde primeiro de janeiro que o governo comece a funcionar. São 12 milhões de desempregados, 15 milhões de brasileiros vivendo abaixo da linha de pobreza, capacidade de investimento do Estado brasileiro diminuindo, 60 mil homicídios”.

Ele ainda reiterou que é “fundamental aprovar a reforma da Previdência” e cobrou novamente participação ativa de Bolsonaro na resolução das pautas prioritárias para o Brasil. “ Não dá mais para a gente perder tempo com coisas secundárias, com coisas que não vão resolver a fome dos brasileiros, que não vão melhorar a renda dos brasileiros e não vão resolver o problema da Previdência”, disse.

Maia também negou possibilidade de a Câmara votar “pautas-bomba”. Além disso, afirmou que a Comissão de Legislação Participativa da Câmara não é o local adequado para Moro falar e, por isso, sua convocação na tarde desta quarta-feira deve ser suspensa. “Cabe um recurso. Uma coisa é críticas ou conflitos. Mas o ministro Moro não tem se negado a vir. Não precisa de convocação”.

 

REDAÇÃO O POVO ONLINE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *