Homens encapuzados executam traficante em frente a restaurante na Cidade 2000

Um condenado por homicídio e assalto foi assassinado a tiros em frente a um restaurante na Cidade 2000, em Fortaleza, na tarde desta sexta-feira (26). Francisco Talvane Teixeira, 47 anos, era apontado como chefe do tráfico de Itapipoca

De acordo com um policial militar, que preferiu não se identificar, Francisco Talvane estava almoçando com seus dois advogados no restaurante e, quando estava deixando o local, três homens encapuzados o abordaram. 

Os suspeitos pediram para que os advogados se afastassem e, em seguida, executaram o chefe do tráfico de Itapipoca. Talvane foi preso em janeiro deste ano, com arma de fogo, munições, mais de R$ 13 mil em espécie cheques que juntos somavam R$ 90 mil.

Condenações

Em abril deste ano, o Conselho de Sentença da 1ª Vara do Tribunal do Júri da Comarca de Fortaleza condenou Francisco Talvane Teixeira a 15 anos de prisão, em regime fechado, pelo assassinato do traficante Francisco Martins Soares, de alcunha ‘Chiquinho’, em Itapipoca, em agosto de 2017. 

Talvane foi condenado por homicídio triplamente qualificado e associação criminosa. Além disso, ele é acusado de comandar o sequestro do empresário Ricardo Rolim, dona da revenda de veículos Crasa, em 2006, e de participar de um assalto à empresa de segurança e transporte de valores CORPVS. O roubo rendeu cerca de R$ 6 milhões aos acusados. 

O Ministério Público do Ceará apontou Talvane como chefe do tráfico de Itapipoca.

 

 

Via Diário do Nordeste

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *