Dois vereadores envolvidos com diárias fantasmas na cidade de Capistrano perdem o mandato

A Câmara Municipal de Capistrano, interior do Ceará, cassou os mandatos dos vereadores Thalys Batista Pinheiro e Aiana Nascimento Oliveira por haverem fraudado viagens para receberem diárias daquela Casa legislativa. Os vereadores são acusados de peculato, uso de documentos falsos, organização criminosa, corrupção, improbidade administrativa e quebra do decoro parlamentar. A cassação foi efetivada na sessão da Câmara dos Vereadores de Capistrano no dia 14 de maio passado.

 O número de vereadores envolvidos da farra das diárias fantasmas em Capistrano, a Justiça já afastou sete vereadores envolvidos, um deles renunciou, dois foram cassados e outros quatro devem perder o mandato, ligados ao desvio de verba da Câmara de Capistrano.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *