Caucaia é líder nacional em investimento em infraestrutura

Dados inéditos do 14º Anuário Multicidades colocam Caucaia numa posição jamais vista na história do município. A cidade registrou o maior percentual de investimento do Brasil em infraestrutura. O documento é elaborado pela Frente Nacional de Prefeitos (FNP), um movimento com sede em Brasília, com base em dados da Secretaria do Tesouro Nacional (STN) e Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Caucaia apresentou aumento de 616% nos investimentos estruturais em 2017, na comparação com o ano anterior. Ocupa o primeiro lugar isolado do ranking. A segunda posição é da cidade de Belford Roxo (440%), na Baixada Fluminense. Em terceiro lugar aparece Campo Grande (64%), capital do estado de Mato Grosso.

O desempenho caucaiense é o oposto do cenário do nacional, que apresentou variação negativa tanto no quadro geral (-36,1%) quanto no estratificado por regiões. O Sudeste foi o que mais recuou (-44,5%), seguido do Sul (-29,8%), Centro-Oeste (-28,8%), Nordeste (-27,5%) e Norte (-22%).

Caucaia saltou de apenas R$ 4,3 milhões investidos em infraestrutura em 2016 para R$ 30,8 milhões em 2017, primeiro ano de gestão do prefeito Naumi Amorim. O crescimento recorde aconteceu após os investimentos despencarem quase 100% entre 2015 (R$ 89,3 milhões) e 2016 (R$ 4,3 milhões), os dois últimos anos da gestão anterior.

As estatísticas são reflexo do montante de obras executadas no município já a partir do primeiro mês de Naumi à frente da Prefeitura. Em 2017, logo após começar a sanear o déficit milionário deixado pela administração anterior, ele deu início a uma série de ações estruturantes.

Foram reformados diversos postos de saúde e escolas municipais, uma grande operação tapa buracos recuperou as principais ruas e avenidas de Caucaia e equipamentos públicos há anos esquecidos foram recuperados. Obras abandonadas pelo prefeito anterior também foram retomadas.

“Nós agora podemos dizer que Caucaia tem planejamento e responsabilidade com o dinheiro público. A cidade ganhou um ritmo muito bom de obras que tende a melhorar mais ainda com o Programa de Infraestrutura Integrada. Vão ser 80 milhões de dólares empregados em projetos fundamentais ao desenvolvimento do município”, pontua Naumi Amorim.

MULTIMÍDIA
A edição 14 do Anuário Multicidades pode ser acessada em: http://multimidia.fnp.org.br/biblioteca/publicacoes/item/729-multi-cidades-ano-14-2019

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *