Com bom inverno no Ceará, Açudes Castanhão e Orós atingem o maior volume de água dos últimos anos

Chegado o fim da quadra chuvosa no Ceará, os reservatórios monitorados pela Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh) contabilizam volume de total de 7,10 bilhões de metros cúbicos, valor que representa 38% da capacidade total de armazenamento de açudes estratégicos do Estado.

O maior reservatório do país, o Açude Castanhão, atualmente com 23,79%, está com seu melhor volume hídrico dos últimos sete anos. Desde 13 de fevereiro de 2015 ele não ultrapassava a marca dos 23%. O reservatório tem capacidade para acumular 6,7 bilhões de metros cúbicos (m³) de água.

O Açude Orós, que já ocupou o posto de maior reservatório do Estado até 2002, ano que fora construído o Castanhão, atingiu em 2022 duas expressivas marcas: o reservatório mais que dobrou seu volume e atingiu uma quantidade que não era alcançada desde 2014. Atualmente, ele tem quase 50% de aporte. Em 1º de janeiro de 2022, o Açude Orós possuía apenas 22,49%. Ou seja, em pouco mais de quatro meses, o reservatório passou para quase 50% (49,94%).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.