Morada Nova: justiça cassa mandatos de vereadores Neném do Dourado e Weder Basílio e suplentes do PP

A Justiça Eleitoral do Ceará acatou uma ação ajuizada pelo MDB, partido de oposição em Morada Nova, contra a chapa de vereadores eleitos do PP na última eleição municipal. Com a decisão judicial, os vereadores do PP, Weder Basílio e Neném do Dourado, tiveram seus diplomas cassados, assim também como os suplentes do PP. O motivo alegado pelo oposição foi uma suposta candidatura feminina fictícia.
A seguir, parte da sentença:
Relatório
Vistos etc.,
Trata-se de Ação de Impugnação de Mandato Eletivo – AIME ajuizada pelo DIRETÓRIO MUNICIPAL DO MOVIMENTO DEMOCRÁTICO BRASILEIRO – MDB em face do DIRETÓRIO MUNICIPAL DO PARTIDO PROGRESSISTA DE MORADA NOVA – PP e dos seus candidatos ao cargo de vereador nas Eleições Municipais de 2020 de Morada Nova/CE, por suposta fraude à cota de gênero consistente no lançamento de candidatura feminina fictícia.
Os parlamentares, porém, não perderão de imediato seus mandatos; pela ação ter sido julgada por instâncias inferiores, ainda cabe recurso. Portanto, permanecem nos cargos até o julgamento final que pode ocorrer no Tribunal Superior Eleitoral. Os vereadores citados, inclusive, estiveram em sessão da Câmara hoje, sexta-feira, 16, e comentaram o caso dizendo estarem tranquilos. Anunciaram que seus advogados irão recorrer.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.