Em entrevista, Camilo admite possibilidade de concorrer ao Senado em 2022

Em entrevista para o portal UOL na manhã dessa terça, 15, o governador Camilo Santana admitiu publicamente pela primeira vez a possibilidade de se candidatar a vaga no Senado Federal pelo Ceará no ano que vem. Há tempos Camilo é sondado sobre a questão, e seu partido, o PT, tem discutido de forma intensa nos bastidores como serão as articulações para 2o22, mas garante que a escolha caberá a vontade de Camilo. Confira o trecho da entrevista do governador:

É válido lembrar que no próximo ano o estado terá uma vaga em disputa para o Senado, a que é ocupada atualmente por Tasso Jereissati -o tucano parece não querer disputar novamente a vaga e é cogitado dentro de seu partido como possível candidato a presidência.

Também cabe destacar que, para se candidatar, Camilo deverá, por lei, se desincompatibilizar de seu atual cargo, ou seja, o petista deixaria vago o cargo de governador do estado provavelmente em março de 22, como manda a legislação eleitoral. O ato colocaria em xeque o nome que deverá ocupar a chefia do executivo estadual: Izolda Cela, atual vice governadora e sucessora legal, que é cotada por seu partido, o PDT, para a disputa pelo Palácio da Abolição; ou Evandro Leitão, presidente da Assembleia Legislativa do estado, também do PDT.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *