Trabalho de biólogos encanta nas trilhas do hotel Pedra dos Ventos

Um belíssimo trabalho é realizado nas encantadoras trilhas de Juatama, distrito na zona rural de Quixadá, Sertão Central -e passa despercebido para a maior parte dos visitantes e turistas da região. Há cerca de dois anos, um projeto surgiu entre biólogos cearenses e o Hotel Pedra dos Ventos -um dos maiores e mais famosos da rede hoteleira existente em Quixadá. O responsável pelo projeto é o professor Hugo Fernandes-Ferreira. Hugo é professor e pesquisador da Universidade Estadual do Ceará (Uece) com pós-doutorado em Ecologia e Phd em Zoologia; o biólogo é ainda apresentador de programas de televisão relacionados à fauna, colunista da Jangadeiro Band News, além de ter projetos premiados e reconhecidos de pesquisa em todo o país. O professor se interessou pelas possibilidades existentes na região. Como são poucas ou quase nulas as políticas públicas de promoção e proteção a vida silvestre, a catalogação de espécies seria uma alternativa. O Hotel abraçou essa causa.

O Pedra dos Ventos fica em uma localização privilegiada: na Serra do Juá, um dos pontos mais altos do distrito, com visibilidade para todo o entorno, além de densa mata característica da caatinga. O Hotel Resort possui, ainda, uma rampa de voo livre, dada a altura de sua construção. Com o reflorestamento da área iniciado desde a inauguração do complexo, a serra volta a se encher de vida, e é nesse cenário que o professor Hugo, acompanhado de mais biólogos, professores pesquisadores e alunos da área começam a atuar. Nas trilha do Hotel, subindo a serra, o projeto instalou câmeras fotográficas -com visão noturna para captura de imagens também a noite- com a intenção de descobrir quem são os “moradores” da área; e o trabalho está surtindo um lindo efeito!

Com o reflorestamento, animais ameaçados de extinção começam a retornar para seu habitat natural. Imagens divulgadas nos perfis oficiais do Hotel mostram uma fauna diversificada, rica, com animais terrestres e também aves. Entres os recentemente estudados, segundo a resposta que obtivemos da equipe do Pedra dos Ventos, está a presença do ‘Jacu-verdadeiro’, Penelope jacucaca, um tipo menos comum de ave, de papo vermelho e saliente na zona da garganta. Por esse motivo, o hotel está na rota dos observadores de pássaros. Ainda de acordo com informações obtidas, segundo o site Ebird, o Pedra dos Ventos é o 4º hotspot do estado do Ceará em relação a aves, com mais de 203 espécies de pássaros catalogadas. Outros animais foram flagrados pelo projeto, como gambás (os ‘cassacos), veados-catingueiro, Mazama gouazoubira, e também espécies felinas, como o gato-mourisco, Puma yagouaroundi.

O trabalho encanta, mostra as potencialidades da região -turística, ambiental, de pesquisa- e desperta também alertas: seja quanto a necessidade da proteção de áreas nativas, do reflorestamento e da promoção da saúde e bem estar da fauna local -todas essas perpassam pela emergência da elaboração de políticas públicas na área, que garantam também a conscientização da população.

Veja imagens divulgadas pelo Hotel Pedra dos Ventos:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.