Quatro suspeitos são presos durante operação em combate ao furto de água em Morada Nova

Quatro suspeitos de furto de água foram presos, na manhã dessa quarta-feira (20), no município de Morada Nova, na Área Integrada de Segurança 20 (AIS 20). As prisões foram realizadas pelas Forças de Segurança durante a operação que foi denominada “Gato Escaldado”, com o objetivo de combater o consumo irregular de água na região.

As equipes da Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE) e da Polícia Militar do Ceará (PMCE) atuaram durante a operação, de iniciativa do Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE), por meio da 2ª Promotoria de Justiça de Morada Nova. A ofensiva também contou com o apoio do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae) de Morada Nova. Durante as diligências, os policiais localizaram irregularidades em quatro imóveis que se tratavam de três residências particulares e um estabelecimento.

Nas propriedades, foi constatado o abastecimento clandestino de água, visto que os hidrômetros não registravam adequadamente a medição do consumo. As prisões foram realizadas nos bairros Parque de Exposição, Divino Espírito Santo e São Francisco. Diligências também foram realizadas no Distrito de São João do Aruaru, na zona rural do mesmo município.

Os responsáveis pelos imóveis foram conduzidos à Delegacia Municipal de Morada Nova da PCCE, onde foram realizados os procedimentos necessários. Eles foram autuados em flagrante por furto. Em seguida, foi arbitrada uma fiança, valor que foi arcado pelos indivíduos que responderão em liberdade.

A Polícia Civil alerta que o furto de água é um crime que pode causar problemas na manutenção do sistema, além de acarretar no desabastecimento da rede hídrica e causar prejuízo financeiro ao município.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *