Quatro mulheres foram assasinadas durante fim de semana no Ceará

Os crimes aconteceram no fim de semana e elevaram para 317 o número de assassinatos do gênero feminino neste ano em todo o estado. Entre as mais recentes vítimas da violência estão duas adolescentes, de 15 e 16 anos de idade.

O primeiro crime aconteceu ainda na madrugada da sexta-feira, por volta de 1h30, no bairro José Walter, quando uma mulher grávida, identificada apenas por *Sara*, foi perseguida e morta com vários tiros na cabeça e nas costas por dois homens que trafegavam em uma motocicleta. Os próprios assassinos filmaram a execução sumária e, depois, postaram o vídeo em grupos no aplicativo WhatsApp.

A Polícia já está investigando o crime e acredita que os assassinos sejam integrantes de alguma facção que atua naquela área da cidade. O vídeo do assassinato está sendo analisado pelas autoridades da Segurança Pública.

O segundo assassinato aconteceu ainda na madrugada de sexta-feira (4), quando uma adolescente de apenas 15 anos foi arrastada de dentro de casa e morta a tiros na rua. O crime aconteceu no Distrito de Campos Belos, no Município de Caridade (a 94Km de Fortaleza). A vítima foi identificada como a estudante *Maria Elen da Silva Abreu*. De acordo com o relato da mãe, o crime foi praticado por três homens desconhecidos.

A dona de casa Jeane de Almeida Vieira, 36 anos, foi morta a tiros na noite do último sábado (5). O crime aconteceu na localidade de Tabuleiro Grande, no Município de Caucaia, na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF). Segundo a Polícia, o crime foi praticando por um grupo de bandidos que invadiu diversas casas naquela comunidade.

A quarta vítima da violência foi mais uma adolescente. A estudante *Darlene Araújo Sousa Vasconcelos*, 16 anos, foi morta com um golpe de faca no pescoço dentro de casa, na cidade de Santa Quitéria (a 217Km de Fortaleza). O suspeito do crime foi detido e sofreu uma tentativa de linchamento. Horas antes, ele tentou estuprar a garota.

(Texto por: Fernando Ribeiro)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.