Quixadá: Juiz suspende divulgação de pesquisa eleitoral entre candidatos a prefeito

O juiz da 6ª zona eleitoral suspendeu a divulgação de uma pesquisa realizada pelo Instituto de Pesquisas Sociais Políticas e Econômicas (IPESPE), em Quixadá. A decisão do juiz foi em relação a uma ação que pedia a suspensão da pesquisa, de autoria da coligação “Agora é a vez do povo”, que tem Sérgio Onofre (Cidadania) e Walker Fernandes (Podemos) como candidatos a prefeito e vice, respectivamente.

Segundo o Tribunal Superior Eleitoral, a pesquisa foi encomendada por Taynara Aparecida Ferreira da Silva Lima, da Sertão Notícias Publicidade e Eventos, e custou R$ 21 mil, paga com recursos próprios. A análise continha um questionário com 23 perguntas foi aplicado entre os dias 24 e 26 de outubro.

Na decisão, o juiz Welithon Alves de Mesquita, da 6ª zona eleitoral, com base em documentos que amparam a decisão, entende que, aparentemente, a pesquisa não tem tratamento isonômico, ou seja, não trata todos os candidatos ao pleito nas eleições de 2020, em Quixadá, de forma igualitária.

“No caso em apreço, verifico ser prudente este juízo determinar a suspensão da divulgação da pesquisa em caráter de concessão de tutela de urgência, uma vez que a sua veiculação poderá acarretar prejuízos não só ao demandado [Coligação “Agora é a vez do povo”], como ao próprio equilíbrio de oportunidades que a disputa eleitoral requer.” – trecho da decisão do juiz.

Confira abaixo a decisão completa do magistrado:

https://jornaldoceara.com/wp-content/uploads/2020/10/0600753-15.2020.6.06.0006_24714753.pdf

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.