Ministério Público Eleitoral pede indeferimento da chapa de Roberto da Viúva e Bebeto Delfino

O atual prefeito de Jaguaruana e também candidato à reeleição, Roberto da Viúva (PDT), junto ao seu companheiro de chapa, Bebeto Delfino (PSB), estão sendo alvos de uma ação do Ministério Público Eleitoral que pede a cassação da chapa.

A ação do MPE se dá através de tanto Roberto como Bebeto constarem na lista de “fichas sujas” do Tribunal de Contas do Estado (TCE). A lista se refere a gestores que tiveram contas desaprovadas por supostas irregularidades enquanto estiveram como gestores públicos.

Roberto da Viúva foi secretário de Infraestrutura e Serviços Públicos durante o ano de 2013 sob a gestão da então prefeita Ana Tereza. O TCE aponta irregularidades na prestação de contas referente às taxas de iluminação pública enquanto Roberto esteve no comando desta secretaria. Para o promotor Luiz Dionísio de Melo Júnior, da 75ª Zona Eleitoral de Jaguaruana-CE, “a rejeição de contas de Roberto da Viúva se caracteriza pela irregularidade insanável, cujo significado traduz a ideia de intencional contrariedade aos princípios da administração pública e de violação à probidade administrativa”.

Contra Bebeto Delfino, o promotor de justiça sustenta o pedido de indeferimento da candidatura através da ausência de prestação de contas e irregularidades na concessão de diárias, durante sua gestão enquanto prefeito de Jaguaruana. Outras ações sustentadas pelo promotor são irregularidades na gestão do Fundo Municipal de Saúde, irregularidades na gestão da Secretaria do Meio Ambiente e Recursos Hídricos e ainda na Secretaria de Infraestrutura e Serviços Públicos. Em todas essas pastas citadas, Bebeto Delfino teve contas rejeitadas pelo extinto Tribunal de Contas dos Munícipios (TCM).

Apesar do andamento das ações do MPE, os candidatos continuam com cumprindo a agenda de campanha pelo município de Jaguaruana. A coligação e nem Roberto da Viúva ou Bebeto Delfino se pronunciaram ainda sobre o pedido de cassação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *