TSE proíbe realização de “livemícios”‘para lançamento de candidatura nas eleições de 2020

As “livemícios” foram proibidas de serem realizadas para lançamento de candidaturas nas eleições de 2020 pelo Superior Tribunal Eleitoral (TSE), nesta sexta-feira (28).

Com a pandemia do novo coronavirus as “livemícios” estavam sendo estudada por partidos como alternativa para as campanhas eleitorais deste ano.

Realização de Live micius foi uma consulta realizada pelo PSOL, mas o TSE decidiu por unanimidade a proibição de eventos deste tipo durante as eleições municipais de 2020.

O relator do caso, ministro Luís Felipe Salomão, lembrou que a lei eleitoral proíbe showmícios e eventos similares para a divulgação de candidaturas.

O Ministério Público Eleitoral, em parecer, já havia informado que é contra a realização desse tipo de evento. Segundo o vice-procurador eleitoral Renato Brill de Góes, o objetivo da lei foi devolver o debate político para o centro das campanhas e evitar a vinculação entre candidatos e artistas como forma de captar a atenção do eleitorado. O procurador ressaltou que artistas podem fazer campanha como os demais cidadãos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *