Quixadaenses enfrentam longa fila na Caixa Econômica, na manhã desta segunda-feira (27)

Durante o período da pandemia do novo coronavírus, os quixadaenses têm tido dificuldades no acesso aos serviços ofertados pela Caixa Econômica Federal. É que as filas são imensas e as pessoas chegam a esperar várias horas para conseguir atendimento.

Nesta segunda-feira (27), mais uma vez a fila para atendimento na instituição financeira dobrava quarteirão. Os clientes ocupavam as calçadas das ruas Rui Maia e Basílio Emiliano Pinto, no centro de Quixadá.

No início da pandemia, os quixadaenses lotavam a fila da Caixa em busca do saque e informações sobre o Auxílio Emergencial, medida do Governo Federal para enfrentamento da crise financeira imposta pelo isolamento social.

Agora, ao que tudo indica, a super fila desta segunda-feira é consequência do bloqueio de centenas contas digitais para recebimento do auxílio emergencial. Elas foram bloqueadas por suspeita de fraudes no benefício. Com a situação, as pessoas que se sentiram prejudicadas tiveram que procurar a agência para regularizar suas contas.

Uma internauta registrou o momento em foto da longa fila da agência da Caixa em Quixadá. A foto de capa é de Heiry Pinto. Há relatos parecidos com o da Terra dos Monólitos em Canindé e Limoeiro do Norte.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *